Artigos

Quem sabe seja esse o momento de descobrir novos talentos?

talentos
Estamos caminhando para a metade do primeiro mês do ano. Diminuída a euforia das festas, vamos aos poucos retomando a velha rotina. Alguns ainda aproveitam para descansar em férias e não querem saber ainda do que virá, afinal, uma pausa nas responsabilidades diárias, um tempo para não fazer nada é sempre bom, não é?

Sim, desde que a pausa não seja usada como desculpa ou pretexto para mascarar adiamentos que possuem outras razões para se estabelecer.

Por questões culturais, a população de nosso país tende a estender demais as pausas: o ano só começa depois do carnaval, folgas prolongadas em emendas de feriados, a sexta-feira é desejada desde o final do domingo e só consegue-se pensar em como diminuir a intensidade do estresse cotidiano, ter mais liberdade para levar uma vida de forma mais leve e isso tudo sem comprometer o orçamento com o desejo de aumenta-lo.

Durante a transição de Dezembro/Janeiro é um hábito da maioria das pessoas fazer as chamadas “promessas” para serem alcançadas durante o ano que vai iniciar.
Das promessas que você se fez no ano passado, consegue saber efetivamente quantas conseguiu cumprir?

De todas elas, aquela que você considerava mais importante esteve todo o tempo entre suas prioridades ou mais uma vez deixou para depois e ela novamente figura na sua lista esse ano?
Aquela máxima do dito popular, embora batida, é um bom combustível para repensar suas “promessas” que desse momento em diante chamaremos simplesmente metas: “Se continuar fazendo as mesmas coisas, obterá sempre os mesmos resultados”.

Quem sabe seja esse o momento de descobrir novos talentos, novas habilidades, aprimorar aquilo que já sabe fazer muito bem e tornar extraordinário, qualquer ação que lhe tire da rotina e possa lhe levar mais perto de onde deseja.

As vitórias grandiosas são compostas de pequenas conquistas diárias.
Quer experimentar a virada em sua vida ou sua lista de ”promessas” para 2014 já está pronta?
Ouse, você pode!!!

Fonte: Rh Portal

Publicado na categoria: Artigos Tags , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *